quinta-feira, 25 de dezembro de 2008

domingo, 9 de novembro de 2008

Eleição reversa via dedão e chiclete antecipou vitória de Obama


As prévias com chiclete em cartazes colados em postes ao redor do mundo acertaram: Obama encheu (muito) menos o saco e, como é de um dos dois maiores partidos, foi eleito.

Clique aqui para ler minha postagem sobre a eleição do Senador Obama.

Veja fotos da eleição por chiclete no seguinte blog: Gum Election

quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Senador Barack Obama é eleito presidente dos Estados Unidos


O senador por Illinois, Barack Obama, está de fato eleito, com uma vantagem eleitoral de 338 a 160 delegados *(04h38m, Brasília). Tal vantagem eleitoral não se via nos últimos 45 anos. Vejamos se a vantagem dos Democratas se estende à câmara e / ou ao senado. Se isto ocorrer, não haverá desculpas para esvaziar a máquina de guerra dos EUA e o país fazer uma retirada programada de suas tropas no Iraque e parar de fazer ameaças de invasão a outros países, nominalmente ao Irã.
Os estadunidenses relevaram a questão racial e elegeram pela primeira vez uma pessoa multiétnica – nos EUA, tido como "negro" – para ser o seu presidente. Obama já havia ajudado a romper este preconceito ao se transformar no quinto senador "negro" dos EUA, em 1995. Os outros parcos quatro haviam sido eleitos em 1870, 1875, 1967 e 1993.
Esta eleição foi um sinal de que as sementes em favor da igualdade de deveres, direitos e oportunidades plantadas por Abraham Lincoln e Martin Luther King Jr., dentre milhares de ativistas pela igualdade étnica – famosos ou anônimos –, finalmente começam a transformar-se em árvores sólidas.
O comparecimento eleitoral foi recorde. Isto parece indicar que, somando-se tal comparecimento à vantagem obtida por Obama, os norte-americanos decidiram manifestar-se eleitoralmente em favor daquele que a maioria opina ser o mais competente para dirigir o País, independentemente de origem étnica. Entretanto, esta foi somente a primeira vez em que um candidato multiétnico conseguiu uma indicação de um dos dois partidos mais importantes para postular-se a Casa Branca. E já estamos no século XXI. Os estadunidenses estavam devendo isto a si mesmos há muito tempo!
Cabe ao resto do mundo, além de aos próprios americanos, organizar a luta contra a violência e o armamentismo, pela distribuição igualitária de renda e a aplicação dos recursos públicos em favor da educação e da saúde, objetivos perfeitamente possíveis nos dias atuais, muito mais do que em qualquer outro tempo passado. Na realidade, estes são objetivos que, quando alcançados, garantirão a própria sobrevivência da Humanidade.

Lincoln Sobral

Para ler um artigo muito bom da Deutsche Welle sobre o resultado das eleições americanas, clique  aqui
.

* apuração em tempo real:
clique aqui ou aqui e atualize a janela do seu navegador ou use o botão "recarregar" do infográfico, quando ele se abrir.

--
Imagem: Wizbang

sexta-feira, 31 de outubro de 2008

Aquecimento Global

As causas do aquecimento global não são unanimidade


  • Poluição: descarte de resíduos de degração lenta ou não degradáveis no meio ambiente. Contaminante. Isto pode ser resolvido, mediante uma série de medidas de controle de emissão de poluentes.


  • Efeito Estufa: fenômeno natural, produzido pela escudo proporcionado pela atmosfera ao planeta. Ou seja, todos os seres vivemos numa "estufa" natural (o planeta Terra), desde o nosso surgimento.


  • Aquecimento Global: Dita conseqüência da emissão de CO² proveniente da queima de combustível fóssil (principalmente petróleo e carvão), do desmatamento das florestas tropicais e outros menos relevantes. Diz-se que tais emissões e desmatamentos são os únicos responsáveis pelo incremento do aquecimento dentro da nossa "estufa".

Existe dissenso quanto às causas do aquecimento global. Na Idade Média ocorreu um aquecimento global, mas não existiam veículos (aviões, automóveis, tratores e navios) queimando combustível fóssil e nem fábricas; tampouco a criação de rebanhos (porcos, cabras, bois, ovelhas, galináceos etc.) era tão intensiva quanto a atual (na casa dos bilhões de cabeças). A população mundial também era muito inferior à atual. As florestas tropicais estavam praticamente intactas. Por que houve, então, aquecimento?

Por que, depois de já estabilizados os atuais continentes – muito depois da era de atmosfera tóxica e do magma produzido por cadeias ativas inteiras de vulcões –, o planeta teve períodos de aquecimento e períodos glaciais, mesmo quando não existia a presença humana documentada? Por que o planeta produziu – ou sofreu – esfriamento e aquecimento em períodos?

Estou lendo alguns artigos que agregam outras hipóteses como causas do aquecimento global às citadas acima. São elas:

1) hiperatividade solar (aumento da emissão de energia proveniente do sol)

2) deslocamento de todo o sistema solar em direção a uma nova zona do cosmos – como sabemos, os corpos celestes (planetas, estrelas, luas, galáxias etc.) não ficam parados no espaço; todos eles estão em constante deslocamento no espaço celeste a uma grande velocidade

3) incremento do aumento de partículas e radiação que atingem o nosso sistema solar – devido à mudança de zona do espaço –, conseqüencia da intersecção com nuvens (sólidas, gasosas ou de plasma) e aumento da radiação cósmica sobre o nosso sistema.

O motivo da colocação dessas hipóteses é que não somente a Terra, mas também todos os outros planetas providos de atmosfera no sistema solar estão sofrendo aquecimento. Esta 'coincidência' deveria ser levada em conta.

Lincoln Sobral


Fontes de consulta:

Above Top Secret


Biocab


Imagem: Crystal Illusions

quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Eleições nos EUA: Poderá a competência superar o racismo?


Vamos ver se os americanos têm peito de passar por cima do ‘racismo politicamente correto’ (ex racismo de estado) e cravar Obama nas urnas. Um amigo meu americano me reporta, desde a costa leste, que só vai ter certeza mesmo sobre o declarado pelos eleitores nas pesquisas depois das eleições. Muitos podem estar dizendo que votarão nos democratas (Obama) para se sentirem politicamente corretos, mas vamos ver se estão dizendo a verdade. Isto já aconteceu em eleições anteriores para o governo da Califórnia em 1982, quando tudo desandou: Embora o candidato Tom Bradley, ex-prefeito de Los Angeles, um homem negro, aparecesse à frente nas pesquisas, foi derrotado na hora H, quando o eleitor está sozinho com a sua consciência na cabine eleitoral, distante do olhar dos outros, todos achando-se “progressistas”:


Desconsideremos o fato de o sistema político americano ser um truste de dois partidos políticos, algo assim como Visa e Mastercard: Os outros ‘cartões’, apesar de existirem, não metem o bico nas eleições, pois praticamente não são citados pelos meios de comunicação. Na realidade, existem outros candidatos além dos dois privilegiados pela mídia, como a ex-parlamentar Cynthia Mckinney (Green Party), que é contra a instalação de novas bases militares norte-americanas no exterior:

Imagem: Pastor Martin Luther King Jr., líder pelos direitos civis dos americanos (1929-1968) – Wikimedia Commons. Sobre ele:
--
O ex-embaixador brasileiro nos Estados Unidos, Rubens Ricúpero, expressa opinião semelhante a minha sobre a possível interferência do racismo na eleição de Obama, em entrevista ao portal Terra (04 nov 2008, portanto, depois da publicação desta postagem). clique aqui para ler a entrevista de Rubens Ricúpero.
--

Cretinagens pelo mundo afora

1) Se liga, Bush!

Bush tenta dar um gás a MCcain – pode ser gás tóxico, mas McCain deve merecer este apoio. O Bush deveria procurar um cantinho pra se esconder, pois é o presidente mais impopular de toda a história dos EUA. Deve ser uma situação muito constrangedora mesmo para McCain, um militar de 3ª geração e... “Herói de guerra”:


http://br.noticias.yahoo.com/s/afp/eua_elei____es_bush


2) Primeiro-Ministro Tcheco agride fisicamente fotógrafo – que papelão, que vergonha!!


http://noticias.terra.com.br/mundo/interna/0,,OI3288779-EI8142,00-Praga+primeiroministro+checo+esmurra+fotografo.html


O repúdio da população tcheca com certeza ocorreu também porque o governo do país *assinou o acordo de escudo estelar (popularmente conhecido como “guerra nas estrelas”) com os EUA, apesar de 70% da população tcheca se opor a isto. O Movimento Humanista lidera o projeto anti-guerra nas estrelas na República Tcheca. Se você quiser assinar a petição, ainda é possível – pessoas de todo o mundo podem assinar:

http://nenasili.cz/es/


Os resultados deste tipo de mobilização podem derrubar governos, embora eles achem que ignorar o povo dá certo. O projeto de escudo estelar, mais conhecido como “guerra nas estrelas”, é algo que coloca em perigo todo o mundo. O governo russo já testou e operacionalizaram um novo tipo de míssil de longo alcance (Topol) capaz de enganar sistemas de detecção remota. Os fabricantes de armas dos dois lados devem estar rindo à toa: uma nova guerra fria se aproxima, enquanto bilhões passam necessidades. O problema é se esta guerra fria chegar às vias de fato, de repente. A candidata a presidência dos Estados Unidos nas atuais eleições de 2008, a ex-parlamentar Cynthia Mckinney (do Partido Verde) apoiou nominalmente os líderes da campanha contra o escudo estelar, Jan Tamas e Jan Bednar, que estavam em greve de fome, nesta declaração:


http://www.opednews.com/articles/CYNTHIA-MCKINNEY-MAKES-STA-by-Bruce-K--Gagnon-080529-311.html


---


*Se quiser ler o tradicional blá-blá-blá sobre “democracia e liberdade” da sra. Rice (secretária de estado americana) durante sua visita à República Tcheca para assinar o nefasto acordo que coloca o mundo em perigo, aqui está (sempre é bom ouvir o lado oposto):


http://www.state.gov/secretary/rm/2008/07/106758.htm


O que ela não diz ali é que milhares de toneladas de armamentos saem dos EUA em direção às fronteiras da Rússia sob a etiqueta de “ajuda humanitária”:


http://www.moonofalabama.org/2008/08/russia-fears-an.html

Imagem: capa do livro de Leland Gregory "Idiotas Empossados: Mentiras, Truques, Depravações e Outras Inverdades Políticas", editora Andrews McMeel, EUA

sábado, 4 de outubro de 2008

Sem-teto de luxo


Somente até agora, no segundo semestre deste ano, 740 mil norte-americanos perderam suas casas por falta de condições de pagar as prestações.

¹Existem pessoas que estão dormindo em seus carros em estacionamentos nos Estados Unidos: Está surgindo um novo tipo de sem-teto, diferente daquele estereotipado no cinema, com suas roupas rasgadas e se aquecendo no fogo de um latão de lixo incendiado.

Tudo isto  e muito mais é resultado de mais uma bolha especulativa, típico mecanismo da economia-pirâmide-militarista norte-americana.

Mas, qual é o núcleo gerador do problema do crash habitacional nos EUA? São os próprios bancos. Leia neste artigo.

E você sabe qual é o maior produto de exportação dos Estados Unidos? Leia neste outro artigo.

***

¹Nova tendência? 

[...]O estacionamento deixa as pessoas que dormem em carros entrarem a partir das 7h da noite, mas os banheiros públicos fecham com o pôr-do-sol.

Como resultado, Barbara diz que não bebe nenhum líquido depois que ela chega. De manhã, ela toma banho na casa de um amigo.

Vestida com roupas limpas e confortáveis e usando óculos escuros, ela não se parece em nada com o estereótipo do sem-teto.

"Vai começar a haver um monte de indivíduos que são de classe-média, mas que não podem comprar nada. Nós estamos em uma terrível confusão econômica. Acho que ainda não vimos nem metade do que vai acontecer com este país", diz Barbara.

Este novo fenômeno de sem-teto de classe média é difícil de quantificar, mas a New Beginnings, uma organização que cuida do sistema de estacionamentos-dormitórios em Santa Bárbara, diz que acomoda cerca de 55 pessoas em seis estacionamentos.

A assistente social Nancy Kapp, ela também uma ex-sem-teto, afirma que há uma lista de espera para espaço nestes estacionamentos e que ela recebe cada vez mais ligações de pessoas que estão para perder suas casas.

Ela diz que um novo tipo de sem-teto está surgindo nos EUA.[...]

Fonte: G1

Imagem: Stride (UK)

Eu vou votar Claudio Lopes 21010

Claudio Lopes é militante do Movimento Humanista desde 1990. Atualmente é o presidente regional do Partido Humanista para o Rio de Janeiro. 

Atua incansavelmente em favor da não-violência, tendo o ser humano como prioridade de todas as ações sociais.

Durante esse período desenvolveu projetos nos bairros do Engenho de Dentro, Méier (dentre eles a produção do “Jornal Círculo de Idéias”) e no Maracanã.

Durante seis anos foi coordenador do pré-vestibular comunitário Humanista, atendendo a mais de 700 estudantes. 

Educador. Atualmente é coordenador do Colégio Graham Bell, de Ensino Médio Técnico, onde trabalha desde 1998.

Foi um dos idealizadores do Fórum Humanista Brasileiro, que neste ano teve sua terceira edição, realizada na cidade de Curitiba.

Representou o Movimento Humanista no Fórum Humanista Latino Americano de Quito (Equador - 2006) e La Paz (Bolívia - 2007). Em 2008, o Fórum Humanista Latino-Americano se realizará em novembro, em Buenos Aires (Argentina).

Claudio luta por uma democracia real, pela construção do poder popular, pra que as pessoas possam decidir de verdade, assim como os meus outros amigos candidatos humanistas do Rio e a Laiza Vieira, de Nova Iguaçu.

É por isto e muito mais que vou votar nele. Boa sorte pra todos nós moradores do Rio, Claudio.

Lincoln Sobral

"Crise" americana – crise de quê?


*Os bancos americanos quebraram porque usaram-se mutuamente como brinquedos especulativos

Durante muitos anos, os tipos de juro vigentes nos mercados financeiros internacionais foram excepcionalmente baixos. Isto fez com que os bancos vissem que a lucratividade do seu negócio diminuía, de vez que:

 a) Concediam empréstimos a um juro baixo;

 b) Pagavam alguma coisa pelos depósitos dos clientes (zero, no caso de o depósito ser realizado em conta corrente) e, além disto, cobravam taxa de manutenção, pagavam ‘menos algo’.

Entretanto, a margem de intermediação (“a” menos “b”) decrescia. Nos Estados Unidos, então, ocorreu a alguém que os bancos teriam de fazer duas coisas:

i) Conceder empréstimos mais arriscados, pelos quais podiam cobrar um juro mais alto. Neste caso, a idéia era oferecer hipotecas a um certo tipo de clientes, os ‘ninja’ (no income, no assets, ou seja, pessoas sem ingressos fixos, sem emprego fixo, sem propriedades), cobrar-lhes um juro mais alto, porque era mais arriscado, e aproveitar o boom imobiliário que havia no mercado norte-americano. Além disto, cheios de entusiasmo, decidiram conceder créditos hipotecários por um valor superior ao valor da casa que o ninja comprava, porque, com o citado boom imobiliário, aquela casa, em poucos meses, valeria mais do que o montante dado em empréstimo. A este tipo de hipoteca chamaram “hipoteca subprime”.

Chamam-se “hipotecas prime” as que em pouca possibilidade de não serem pagas. em uma escala de classificação entre 300 e 850 pontos, as hipotecas prime valem entre 850 pontos as melhores e 620 as menos boas. Chamam-se “hipotecas subprime” as que têm mais risco de não serem pagas e valem entre 620 as menos boas e 300 as ruins. Além disso, como a economia norte-americana ia muito bem, o devedor hoje insolvente poderia encontrar trabalho e pagar a dívida sem problemas.

Este planejamento correu bem durante alguns anos. Nesses anos, os ninjas iam pagando as hipotecas nos prazos e, como lhes haviam dado mais dinheiro do que o que a sua casa valia, haviam comprado um carro, feito reformas na casa e tinham saído de férias com a família. tudo isto, certamente, a prazo, com o dinheiro a mais que haviam ganho e, em alguns casos, com o que lhes pagavam em algum emprego ou bico que haviam conseguido.

ii) Compensar a baixa margem de lucro aumentando o número de operações – 1000 x pouco é mais do que 100 x pouco.

Até aqui, tudo está muito claro, e também está claro que qualquer pessoa com bom senso, mesmo que não seja um especialista financeiro, pode pensar que, se algo dá errado, o desastre pode ser grande. Quanto ao ponto ii) (aumento da quantidade de operações):

a) Como os bancos iam concedendo muitos empréstimos hipotecários, o dinheiro deles acabava. A solução encontrada foi muito fácil: Pedir ajuda a bancos estrangeiros para que lhes emprestassem dinheiro, porque para alguma coisa serve a globalização. Com isto, o dinheiro que eu, hoje de manhã, depositei na agência do meu banco, pode estar, nesta mesma tarde, em Illinois (EUA), porque ali existe um banco ao qual o meu banco emprestou o meu dinheiro para que aquele banco americano o empreste a um ninja. É claro que o ninja de Illinois não sabe que o dinheiro chega a ele da minha cidade, e eu não sei que o meu dinheiro, depositado em uma entidade séria como é o meu banco, começa a estar em certo risco. Tampouco o sabe o gerente da agência do meu banco.

CONTINUA (em breve) – marque este blog nos seus favoritos para saber quando for publicada a seqüência deste artigo.

*Adaptado de nota do Partido Humanista

Lincoln Sobral




Ainda existe futuro

Claudio Lopes - 21010

Jacqueline Melo - 21114

Sabine Mendes - 21105

Vinicius Pereira - 21234

Candidatos Humanistas à

Câmara de Vereadores do

Rio de Janeiro – 2008

***

Prefeito e Vice-Prefeita:

Eduardo Serra & Alice Medina

21

Uma esperança para Nova Iguaçu

Laiza Vieira 21212
Candidata Humanista à
Câmara de Vereadores de 
Nova Iguaçu - RJ
(2008)

quarta-feira, 10 de setembro de 2008

Homenagem ao Fausto Wolff (1940-2008)

"Sem compartilhar de grande parte de seu discurso, a admiração por Fausto Wolff sempre teve apenas uma única razão: a pureza e a verdade de seu acreditar em idéias para muitos ultrapassadas, mas que, para ele, eram dignas de defesa até a morte, como fez esse Dom Quixote do jornalismo brasileiro."
¹Miguel Arcanjo Prado (Folha Online)

Homenagem da Casa da América Latina a Fausto Wolff

A melhor homenagem que a Casa da América Latina pode fazer a Fausto Wolff é através das suas próprias palavras. Relendo a mensagem que ele dedicou à fundação da entidade, em 31 de agosto de 2007, vemos a falta que ele fará.


"Depois de voltarmos as costas de modo arrogante e indelicado para a América Latina, preferindo nos comportar como tietes de Portugal, Inglaterra, França e dos Estados Unidos, parece que desta vez um grupo de pessoas corajosas e inteligentes entendeu que o Brasil é parte importantíssima da América Latina.

Em boa hora surge a Casa da América Latina, para urgentemente promover encontros culturais, políticos e sociais com nossos irmãos abaixo do Equador.

É um absurdo que conheçamos intimamente a vida de uma atriz norte-americana e pouquíssimo saibamos sobre o Equador e até mesmo sobre o vizinho Uruguai.

Somos vítimas de um corte cultural que teve início com o golpe militar de 64 quando começamos a perder nossa música, nossa arte, nossa imprensa e nossa identidade. 

Passamos a ser um povo que não sabe quem é, de onde veio e para onde vai; o povo ideal para o laboratório do neoliberalismo e a audiência ideal para o lixo cinematográfico americano, que ensina as crianças a se drogar, a roubar e a matar sem que atitude alguma seja tomada. Pior que o crime é a banalização do crime.

Enquanto o Brasil não se reconhecer latino-americano, teremos poucas chances de nos tornarmos uma grande nação. Abaixo a violência e abaixo a elite que a produz.

Longa vida à Casa da América Latina."

Fausto Wolff


(¹) http://www1.folha.uol.com.br/folha/ilustrada/ult90u442314.shtml

Foto: www.gardenal.org

quarta-feira, 20 de agosto de 2008

EUA: Economia Insustentável e Destruidora

"No final dos anos 90, a Autoridade de Transportes da Cidade de Nova Iorque tinha entre 3 e 4 bilhões de dólares para aplicar e começar a substituir os seus vagões de metrô. O governo da cidade fez uma licitação. Nem uma só companhia dos Estados Unidos se habilitou! Por que? A base industrial neste país não fabrica mais o que é necessário para manter, melhorar, ou construir infra-estrutura. Nós nem temos mais as ferramentas! Por isto, Nova Iorque fechou contratos com companhias japonesas e canadenses para construir os seus vagões de metrô. [Seymour] Melman estimou que tal contrato poderia ter gerado, direta e indiretamente, por volta de 32 mil empregos nos EUA."

"E que tal os 5,5 trilhões de dólares que temos gasto no desenvolvimento, pesquisa, construção, manutenção e agora 'modernização' de armas nucleares neste país, enquanto deixamos o lixo tóxico – e a conta a pagar – para as futuras gerações?"

"As operações militares são as maiores e únicas atividades sustentadas do governo dos Estados Unidos."

"Talvez seja uma má escolha que o Pentágono tenha assentado 750 – ou serão 800; ou o número poderia ser tão alto quanto 1.000? – bases militares americanas em países estrangeiros? Eu certamente sei que esta comunidade aqui em Nova Iorque tem trabalhado duro para impedir a adição de mais uma base militar na República Tcheca!!"

"Será que as pessoas nesta sala sabem qual é o produto industrial de exportação número 1 deste país? Armas. Que legado..."

Mary Beth Sullivan. Palestra sobre Hiroshima e Nagasaki em Nova Iorque, 6 de agosto de 2008

Leia o texto completo da palestra (em inglês) clicando aqui. Você também pode assinar a petição contra o projeto de escudo estelar dos EUA ("guerra nas estrelas") no mesmo site, clicando aqui. Para uma informação mais completa antes de assinar, clique aqui.

Foto: Mary Beth Sullivan

sábado, 16 de agosto de 2008

Ser humano com animais e meio ambiente

Fico muito intrigado quando se relaciona o humanismo ou a valorização do ser humano com o descaso para com os animais e / ou a Natureza, ou mesmo com o mau-trato aos animais. Tenho visto esta associação com uma certa freqüência. No mesmo contexto, tenho visto a radicalização disto: Tenho visto muitos ecologistas gritando palavras cheias de ódio e rancor a favor da extinção do ser humano – o que traria como resultado... A preservação da Natureza!!

O mau-trato aos animais e à Natureza se origina do anti-humanismo, não do humanismo. O humanismo não é egoísta. O humanismo é solidário e compassivo. Um ser humano consciente das suas obrigações éticas com respeito aos outros seres humanos (não-violência, compaixão, solidariedade, inclusão...) é infinitamente mais propenso a respeitar qualquer outra forma de vida (animal ou vegetal) do que uma pessoa que não tem consciência das suas obrigações éticas ou não cumpre com elas, mesmo sabendo que são 'obrigações'. Vou provar que são obrigações: Qualquer um (99,9%) esconde ou omite que 'ignorou', 'explorou', 'abusou de', 'roubou de, 'mutilou', 'matou', etc. outro ser. Já qualquer um (a imensa maioria) diz: "Não foi nada" (= "Eu só fiz a minha obrigação") quando faz algum bem ou mesmo um favor a alguém; e fica reconfortado porque deu um pouco de comida a um animal faminto – ou evitou que ele fosse maltratado.Não há como fugir destas obrigações universais, porque elas estão impressas no nosso ser como as páginas de um livro.

O próprio Confúcio (1) já dizia isto. Dizia que vivemos de acordo com uma ordem universal que se baseia no Bem, no correto (" Yi " – 2). E que quando violamos esta ordem universal, somos os primeiros a saber que fizemos algo errado. Por isto eventualmente escondemos o que fizemos de 'errado': Porque queremos parecer 'bons', já que 'ser bom é bom' e 'ser mau é ruim'. A ordem universal descrita por Confúcio é o Bem. Platão também chegou a esta conclusão. Uma vez, alguém lhe perguntou o que era o Bem. Ele meditou por alguns momentos e respondeu: "Não posso te mostrar o Bem. Mas posso te mostrar o filho do Bem. Olhe para o Sol e você estará olhando para o filho do Bem".

Não existe dicotomia entre ser humanista e amar e demonstrar compaixão por toda e qualquer outra forma de vida; muito pelo contrário: É infinitamente mais provável que a solidariedade e a compaixão para com os animais e a preservação da Natureza seja uma conseqüência da auto-humanização. Nós não nascemos (culturalmente) humanos: Nós nos tornamos humanos durante a nossa vida, aperfeiçoando as nossas potencialidades. Quando o ser humano desdobra todas as suas possibilidades, ele respeita – e humaniza – tudo e todos os que estão à sua volta, inclusive os animais e a Natureza. Por isto é necessário Humanizar o Ser Humano, e tudo o demais acompanhará esta mudança.

Lincoln Sobral

Imagem: Garça Branca na Praia do Flamengo (Rio), L. S., 2007

1 - Golovacheva, Ludmila. Idéias Humanistas nos Ensinamentos de Confúcio. In O Humanismo nas Diferentes Culturas. Centro Mundial de Estudos Humanistas. Virtual Ediciones. Santiago, 1994

2 - Yi: Conceito correlato ao da moral (mores) latina. Vide http://justa-medida.blogspot.com/2007/07/glossrio-conceitos.html


sexta-feira, 15 de agosto de 2008

Estratégias para construir a não-violência

A 3ª edição do Fórum Humanista Brasileiro, que se realizará em Curitiba (PR) nos dias 22, 23 e 24 de agosto de 2008, contará com a presença, dentre muitos outros, de Marcelo Yuka (ex-O Rappa), na mesa temática sobre Ativismo e Não-Violência, e da Cônsul Geral da Bolívia, Shirley Orozco, na mesa sobre Integração da América Latina.

Os fóruns nacionais antecedem o Fórum Humanista Latino-Americano, a ser realizado em Buenos Aires em novembro de 2008. Todos estão convidados.

Clique aqui para acessar a página do Fórum e visualizar toda a programação.

domingo, 10 de agosto de 2008

"Medalhistas" de ouro na Olimpíada de 2008


Telespectadores de todo o planeta deliram a cada novo anúncio de medalha de ouro vindo de Pequim, como pode-se ver no flagrante acima, captado numa praça pública do Rio de Janeiro. Explosões espontâneas de alegria caracterizam essas manifestações. O júbilo contagia todos os rincões do planeta.
(Foto: C. Portinari - Phome Presse)

A disputa pelo maior número de medalhas na Olimpíada de 2008 está pau a pau, entre China e Estados Unidos. O Brasil luta desesperadamente para conseguir mais medalhas que em Atenas, cobiçando projetar-se como 'nova potência mundial'. A grande surpresa dos Jogos, entretanto, vem da França (um assombro). Confira no penúltimo parágrafo.


1 ) Essas medalhas de OURO aqui a CHINA já ganhou, até agora:

- Espiões dedos-duros disfarçados em meio a multidões durante jogos olímpicos – estilo: "fingindo de bobo"

- Ocupação descarada, saques, assassinatos e destruição do meio ambiente de países há mais de mil anos independentes (Tibete) – estilo: "com desculpas esfarrapadas simples e um pé nas costas"

- Assassinato em massa de cães de estimação a pauladas por "agentes de saúde" – estilo: "qualquer um"

- Seqüestro e esfolamento de animais de estimação moribundos – estilo: "depois de confiscados dos donos e cruelmente golpeados"

- Mandar pra cadeia por cinco anos quem fala mal da "ditadura do proletariado" – estilo: "reeducacional"

- Assassinato de manifestantes em lugares com nomes que evocam coisas sagradas" (Praça da Paz Celestial) – estilos: "com tanque, fuzil e pistola" / Medalha de PRATA para MYANMAR : Assassinato de manifestantes civis por tropas nas ruas – estilo: "com apoio velado da China"

- Medalha de ouro por enjaulamento de ursos cinzentos vivos com drenos no fígado pra retirar a bílis e usá-la em "poções medicinais" – estilo: "em jaulas em que os ursos não possam se mexer"

- Repressão a cultos com mais de 100 milhões de membros (Falun Gong ) – estilo: "baixando a porrada e mentindo antes, durante e depois"

- Assassinato Estatal – modalidade: pena de morte – estilos: "tiro à queima-roupa na nuca", "cobrando a bala da família do criminoso" e "olho por olho, dente por dente"

- Repressão a cultos com mais de 600 milhões de crentes (Budismo) – estilo: "rosnando: 'acabaremos com as 'superstições' deles um dia'"

- Superstição Contraditória – estilo: "Dizendo '8-8-8' pra ser feliz enquanto desrespeitam-se as crenças religiosas dos demais"

- Produtos de má qualidade a preço de trabalho escravo – estilo: "enganando os trouxas e os necessitados ao mesmo tempo"

- Exclusão de partes da História do País em cerimônias oficiais de aberturas de jogos olímpicos – estilos: "Tô nem aí" e "omitir não é mentir"

2) Agora, essas medalhas de OURO aqui ninguém tascou dos dream teams dos ESTADOS UNIDOS (senão a porrada ia comer feio, é claro):

- Melhor bombardeio de todos os tempos com armas atômicas (Hiroshima e Nagasaki) – estilo: "depois da guerra já vencida"

- Seqüestro de "suspeitos" fora das suas fronteiras – estilo: "com apoio de países europeus"

- Seqüestro de "suspeitos" fora das suas fronteiras – estilo: "sem apoio de país nenhum"

- Reclamar direitos humanos e torturar (Guantánamo, Abu Graib...) – estilo: "com as duas mãos, ao mesmo tempo, ou simultaneamente" e "os nossos direitos humanos são melhores que os dos outros" / Medalha de PRATA para a INGLATERRA (Iraque) – estilo: "aproveitando o vácuo dos Estados Unidos pra chupar mais petróleo"

- Medalha de ouro por bombardeio de civis inocentes (Iraque) – estilos: "com mais de 200 mil bombas", "inventando desculpas esfarrapadas" e "inventando mentiras para roubar petróleo"/ Medalha de PRATA: RÚSSIA (Ossétia do Sul); Medalha de BRONZE: GEÓRGIA (Ossétia do Sul) – estilo: "bombardeando pessoas inocentes para 'protege-las e libertá-las' "

- Medalha de ouro por fingir que respeitam os direitos humanos – estilos: "acusando a China hipocritamente" e "fazendo mágica pra diferenciar crime de... Crime"

- Consumo de drogas – estilo: "estando deprimido e fingindo que se é feliz - OMG"

- Segunda maior mentira da História (World Trade Center) – estilo: "misterioso". Como sabemos, a medalha de ouro sempre vai para a 2ª maior mentira, porque a primeira já virou hours concours há mais de mil e setecentos anos.

- Número de pessoas nas cadeias – estilo: "semeando o mal entre os joões-ninguéns para aumentar o mercado das cadeias privatizadas"

- Número de crianças a partir de 13 anos de idade mandadas para cadeias de adultos – estilo: "mandando os moleques pro Inferno aqui na Terra pra eles aprenderem uma coisa", "permitindo a venda maciça de armas de fogo em lojas a cada esquina" e "incentivando o surgimento de monstros como Marilyn Manson"

- Causar a fome no mundo transformando milho em biocombustível – estilo: "mentindo descaradamente" e "acusando outros países ao mesmo tempo em que mente e ri à toa"

- Instalação de radares que podem levar à terceira guerra mundial (República Tcheca) – estilo: "super-hiper-giga-mega-blaster-HIPÓCRITA". Esta medalha fez juz à entrega de uma placa comemorativa em OURO MACIÇO a G. W. Bush por "contribuição relevante para garantir o futuro da humanidade". Saiba mais sobre o estilo que ele usou para lograr esta façanha, aqui:

"Guerra nas Estrelas => http://nenasili.cz/es/ 

3) Medalhas de OURO para o BRASIL (zil-zil-zil-zil -zil!!!) – é o eco aqui no estádio :-) :

- Presidente mais puxa-saco em busca de "investimentos" (Luís Inácio Lula da Silva) – estilos: "olímpico pequinês livre" e "sendo o presidente da nação com mais recursos naturais do mundo" e "querendo dar tudo de mão beijada pros gringos"

- Manutenção de tropas chamadas "forças de paz" em país estrangeiro (Haiti) – estilos: "com subserviência aos interesses dos EUA" e "sem justificativa aceitável"

- Dilapidação de recursos nacionais (petróleo) – estilo: "licitando áreas para prospecção entre empresas estrangeiras, mesmo tendo a Petrobras condições de prospectá-las sozinha"

4) SURPRESA ABSOLUTA: OURO PARA A FRANÇA:

- APOIO OFICIAL A GENOCÍDIOS (Ruanda, 1994) – modalidade: mais de 800 mil pessoas; estilo: "fazendo vista grossa à ditadura local, MESMO SABENDO QUE OS MASSACRES ESTAVAM SENDO PLANEJADOS COM ANTECEDÊNCIA" 

5) Medalhas de OURO para a RÚSSIA – Desculpem; só foi possível divulgar uma até agora, devido a interferências eletromagnéticas de origem desconhecida nos sistemas chineses:

Enganação em Dupla: Vladimir Putin & Dimitri Medvedev – estilo: "contando historinha pro boi dormir". A dupla recebeu também uma placa comemorativa de mérito, em OURO MACIÇO (dividida com a GEÓRGIA) pelo bombardeio de civis na Ossétia do Sul, o que ajudou a abrilhantar a cerimônia de entrega de medalhas, levando o público ao delírio nesta "festa de confraternização entre os povos". Sites sensacionalistas on-line publicaram que G. W. Bush parecia estar visivelmente enciumado durante a cerimônia.

Lincoln Sobral

Arte: "Retirantes" - Cândido Portinari, 1944

Respostas do quizz:

1 - China - Modalidade: Produtos de Má Qualidade a Preço de Trabalho Escravo (PMQPTE)

2 - Estados Unidos

3- Vladimir Putin & Dimitri Medvedev

4 - Luís Inácio Lula da Silva

5 - Estados Unidos

6 - França

sexta-feira, 8 de agosto de 2008

Homage to the 2008 Olympic Games – China


Como os mais espertos dentre nós sabemos, os Jogos Olímpicos de 2008 são uma estratégia lançada pela aliança entre as Potências Capitalistas Mundiais e a 'Ditadura Imperialista-Comunista-Capitalista Chinesa' com o objetivo de usar a nossa aspiração de construir uma nação humana universal para nos manter a todos consumindo mais e mais mercadorias, já que na sua maneira de pensar e entender a vida, o ser humano é apenas um saco cuja principal necessidade é ser constantemente preenchido com coisas. Em suma, uma ideologia primitiva e ridícula. Eis porque resolvi fazer esta pequena homenagem ao 'evento'.

As a few between us are awared, 2008 Olympic Games edition is a strategy deployed by capitalist Global Powers along with The 'Chinese Imperialist-Comunist-Capitalist Dictatorship' in order to misuse our aspiration to a universal human nation, for keeping we all consuming more and more products, hence in their way of thinking and understanding life, human being is just a sack which main need is to be constantly filled with goods. Such a primitive and ridiculous ideology! That's why I made this little homage to the 'event'. NOTE: "Beijing, Beijing" can be confused with 'Beijinho, Beijinho' (kisses, kisses) in Portuguese Language, that's why we used such an irony.

domingo, 6 de julho de 2008

Um rascunho de concepção do Ser

O ser é quem percebe os outros seres e as coisas e interage com eles. Quando ele percebe, classifica e interage com os outros seres e com as coisas usando linguagem e autocontrole e estando ciente da própria existência, aí podemos chamá-lo de ser inteligente. Resta saber se a parte biológica do ser é a única responsável por estas funções. E se existe alguma parte não-biológica (no sentido literal) do ser.

Eu acredito que um ser inteligente é mais do que o seu próprio corpo. A representação de imagens no "espaço de representação" é uma prova disto. É interessante notar que quando visualizamos algo e estamos despertos, temos mais uma "sensação" desse algo do que a imagem dele em si – experimente. Mas, quando estamos sonhando, não temos nenhuma dúvida de que estamos percebendo uma imagem tangível e / ou gustativa, odorífera, auditiva, tridimensional, em suma... Real. Acredito que isto acontece porque o resto do sistema está em stand-by, ou seja, o "restante" do ser (o corpo) está funcionando a uma taxa mínima necessária, o que libera energia para o sistema principal elaborar e projetar coisas. Resta saber 'quem' projeta e onde fica a 'tela'.

Como esse sistema principal só pode ser descrito, mas não visto, ouvido, cheirado, tocado e nem degustado, só pode se tratar de uma entidade que transcende o mundo que percebemos com os nossos sentidos. Então, é possível que nós vivamos em dois mundos ao mesmo tempo; um mundo tangível e outro mundo intangível. Platão falou sobre isto ("o mundo das idéias e o mundo das coisas").

Lincoln Sobral

Arte: Salvador Dalí. O Guerreiro, 1982

quinta-feira, 19 de junho de 2008

Greve de fome mundial contra a "guerra nas estrelas"


Boletim nº 2

22 de junho: Dia Internacional de Greve de Fome Contra o projeto “Star Wars” ("Guerra nas Estrelas")


15 de junho de 2008
Caros amigos,

Jan Tamas e Jan Bednar, depois de 21 dias, suspenderam suas greves de fome no dia 2 de junho, mas ela continua de forma coordenada na República Tcheca, com a participação de políticos, cientistas, artistas etc.

Eis a vídeo-mensagem de Jan Tamas:

http://nenasili.cz/en/1527_video-message-from-jan-tamas-lets-expand-our-protest

Para dar ainda mais força a este grande protesto não violento, estamos lançando um Dia Mundial de Greve de Fome, no dia 22 de junho, propondo a todos um gesto simples, mas significante: não vamos comer por um dia para nos opormos à Guerra nas Estrelas e dizer aos poderes mundiais: "Parem de alimentar a máquina de guerra e comecem a alimentar as pessoas!"

É escandaloso que um bilhão de dólares sejam destinados a gastos militares, enquanto, mediante uma escolha diferente, este dinheiro poderia resolver os problemas de fome, falta de educação e problemas de meio ambiente do mundo.

No site:

http://nenasili.cz/en/1494_worldwide-hunger-strike-22th-june-2008

qualquer um que queira participar no dia 22 de junho pode enviar sua foto e escrever um breve comentário (em qualquer língua).

Se você quiser organizar algo na sua cidade ou subscrever-se à campanha, ou se quiser maiores informações, acesse:

http://nenasili.cz/en/1504_contacts-us

http://nenasili.cz/en/1081_campaign-in-the-world

Na Itália, Giorgio Schultze, porta-voz da Regional Humanista Européia, começou uma greve de fome no dia primeiro de junho e suspendeu-a no dia 13 de junho em Bruxelas, onde, juntamente com Jan Tamas, encontrou-se com Luisa Morgantini – Vice-Presidente do Parlamento Europeu – e vários outros MPEs (membros do Parlamento Europeu). No dia 9 de julho, haverá um encontro e uma conferência de imprensa em Estrasburgo com outros MPEs contrários ao projeto Guerra nas Estrelas, e Giorgio apresentará as assinaturas colhidas pela petição on-line: Uma grande oportunidade para redobrar nossos esforços e atingirmos 200.000 assinaturas!

Giorgio Schultze e Jan Tamas participarão do Fórum Humanista Europeu ("A Força da Não-Violência") em Milão, Itália, nos dias 17, 18 e 19 de outubro, quando serão palestrantes convidados no painel sobre desarmamento. Para maiores informações, veja o web site do Fórum:

www.humanistforum.eu e faça o download do bolteim mensal aqui:

Boletim:

http://www.humanisteurope.org/europeanhumanistforum/download/English/Newsletter/newsletter1_ENGLISH.pdf 

O boletim também está disponível em francês, espanhol e italiano.

No dia 22 de junho, nos EUA:

http://nenasili.cz/en/1481_world-wide-hunger-strike-on-june-22-building-in-the-us

Vídeo sobre a “Guerra nas Estrelas” – versão compacta de 10 minutos:

http://www.youtube.com/watch?v=-2NN_1ihgEs&feature=user

Versão de 20 minutos:

http://video.google.com/videoplay?docid=-6985757020278142423&hl=en

Outras informações: http://nenasili.cz/en

Apóie esta campanha avisando os seus amigos na sua cidade, as organizações e a mídia. Somente com a ajuda de todos poderemos mudar o futuro; um futuro que hoje em dia está nas mãos de algumas poucas pessoas inescrupulosas e ensandecidas pelo poder.


Tony Robinson
info@europeforpeace.eu
http://www.nonviolence.cz

quinta-feira, 5 de junho de 2008

Assine contra a "guerra nas estrelas" dos EUA

Vá até o site abaixo e apoie esta campanha contra a construção da base americana na República Tcheca e o lançamento do "escudo espacial" ("guerra nas estrelas") dos EUA. O mundo precisa de 500 mil assinaturas antes do fim do mandato do atual presidente (Republicano) dos EUA, para forçar o parlamento tcheco a convocar a população em referendo, para aprovar ou não o projeto. Sessenta e oito por cento da população são contra o projeto. Veja na imagem abaixo como assinar, quando chegar ao site (clique na imagem para ampliá-la e ver como se preenchem os campos, caso vc só entenda português):

Endereço do site: http://petice.nenasili.cz/index.php?lang=es

Há opção de várias línguas no site, mas aqui está a tradução para o português.

Tradução do site em português

“Não estou de acordo com a instalação de bases militares dos EUA no território da República Tcheca, como parte do projeto DMN (Defesa Nacional contra Mísseis). A implementação deste projeto está aumentando as tensões internacionais, gerando uma nova corrida armamentista, e é o primeiro passo em direção à militarização e o controle do espaço. Já que mais de dois terços da população tcheca são contra este projeto, considero que o mais justo é que a população tcheca tenha direito de decidir sobre tão importante questão, através de um referendo.”

Declaração

O projeto DMN dos EUA é um sistema de mísseis de defesa muito complexo que implica a produção de novas armas e a instalação de bases militares dos EUA em diferentes partes do planeta. Particularmente, na Europa, o primeiro passo é a instalação de um sistema de radares na República Tcheca, assim como uma base para interceptação de mísseis na Polônia.

Este plano dividiu a Europa, que até o presente momento não tem sido capaz de dar uma resposta unitária, coerente e não-violenta às políticas agressivas dos EUA. As reações da Rússia e da China criaram uma atmosfera de “guerra fria”. As tensões internacionais estão aumentando e a louca corrida armamentista (tanto convencional como nuclear) se reiniciou. E, o mais grave, as bases estão sendo instaladas para militarizar e controlar o espaço. Mais de dois terços da população tcheca é contra a instalação das bases militares dos EUA em território tcheco. Apesar disto, os governos tcheco e norte-americano continuaram suas negociações, que estão, neste momento, chegando a sua fase de conclusão.

A população declarará que qualquer contrato que o governo tcheco assine com o governo norte-americano, a respeito do projeto de instalação de bases militares dos EUA em território tcheco, não terá nenhum valor legal. Desta maneira, os tchecos não se sentirão de nenhuma maneira atados a nenhum compromisso. O respeito formal pelas leis que foram aprovadas pelo Parlamento com uma maioria relativa não é suficiente para considerar que se trata de uma democracia real. Quando o governo toma uma decisão que vai claramente contra a maioria de seus cidadãos, este não é representante nem do espírito nem da mais profunda essência da democracia.

O governo dos EUA deve entender claramente que não está dialogando com o povo tcheco, mas sim com uma minoria que não representa a maioria dos cidadãos tchecos. Por este motivo, nenhum acordo terá valor legal. Nossos amigos norte-americanos devem entender claramente que as políticas do seu governo estão gerando um crescente sentimento de “antiamericanismo” que nunca antes esteve presente na cultura tcheca e que, deste modo, a única coisa que conseguirão com suas políticas agressivas é que elas se voltarão contra eles próprios. Sabemos que já começou uma ação não-violenta para boicotar produtos americanos, e que este fenômeno pode se estender para além das fronteiras da República Tcheca.

A maioria dos tchecos não quer bases militares estrangeiras em seu território. A maioria dos tchecos quer decidir por si mesma sobre estes problemas, através de um referendo: um instrumento fundamental em qualquer democracia.

Jan Tamás
Movimento não-violento contra as bases dos EUA na República Tcheca

Dana Ferminová
Europa pela Paz

Movimento Humanista – spain@europeforpeace.eu
Design e codificação: profiimage & hot-ice.eu

quarta-feira, 14 de maio de 2008

Ministra do Meio Ambiente renuncia: E agora, Lula?

Brasília, 13-05-2008

"Marina é declarada “mãe do PAS”, mas Mangabeira comanda."

"Na semana passada, Lula chamou Marina Silva de “mãe” do Plano Amazônia Sustentável (PAS), projeto criado para controlar as atividades ilegais na Amazônia e obter alternativas para que as atividades econômicas locais sejam ambientalmente sustentáveis.

Mas ao invés de Marina, Lula colocou o ministro extraordinário de Assuntos Estratégicos, * Mangabeira Unger, como o coordenador do Conselho Gestor do Projeto. Para o diretor executivo do Greenpeace, Frank Guggenheim, a atitude do governo foi 'um tapa na cara da ministra'. 'O Mangabeira, quando visitou a Amazônia, disse algumas barbaridades como o plano de construir um duto dali para o Nordeste', completou Guggenheim."

Fonte: UOL
http://noticias.uol.com.br/ultnot/infografico/2008/05/13/ult3224u70.jhtm


-----------------------------------------------------------

*Meses antes de ingressar no ministério, Mangabeira Unger havia declarado que o governo Lula estava sendo “o mais corrupto de toda a história do Brasil”.
Lincoln


Você pode responder uma breve pesquisa sobre este episódio enviando um e-mail para:
p n y x b r a s i l [a r r o b a] g m a i l [p o n t o] c o m
Vc receberá de volta a URL da pesquisa, que abrirá o formulário de múltipla escolha. A URL que se abrirá é a seguinte:
http://spreadsheets.google.com/ccc?key=pWXVrzCuHtNlfjd_mgba6Tw&hl=en#

quinta-feira, 8 de maio de 2008

Convite para mesa-redonda - 12mai2008: Bolívia e a Integração Latino-Americana

Clique na Imagem para ampliá-la.


Quer mais informações? Então...

  • Clique aqui para acessar a página do PH Brasil.
  • Clique aqui para acessar a página do PH Rio de Janeiro (provisório).
  • Clique aqui para saber um pouco mais sobre "A Comunidade".
  • Clique aqui para saber um pouco mais sobre o Movimento Humanista.

sexta-feira, 2 de maio de 2008

Humanismo Universalista

A Mensagem de Silo

Discurso de Silo, fundador do Movimento Humanista contemporâneo
Parque Punta de Vacas (Mendoza, Argentina)
28 de abril de 2008



segunda-feira, 28 de abril de 2008

Tratamento alternativo da febre

A maioria das dores e febres podem ser facilmente controladas sem o uso de aspirina ou Tylenol. Para controlar a dor, use calor ou frio, ou alternando a aplicação de ambos, aplicando o calor ou o frio mediante uma variedade de meios – p. ex.: bolsa apropriada para água quente e / ou gelo ou outro recipiente apropriado, devidamente envoltos em uma toalha. Outros métodos incluem uma banheira de água quente, um chuveiro quente, um “banho frio curto” (de 30 segundos a 2 minutos em uma banheira de água fria, entre 10 graus e 18 graus centígrados de temperatura).
 

Monolito de Parque Espiritualista é "profanado" (rs) nos Estados Unidos

Monolito metálico do Parque Espiritualista "Red Bluff"
(Califórnia - EUA) é pichado com tinta spray.

Uma Celebração d'A Comunidade da Mensagem de Silo

estava marcada para o mesmo dia.


Reportagem: Tim Hearden (Contact)

Sábado, 26 de abril de 2008.


Um monolito de quase 7 metros, espelhado, é a peça central do Parque Red Bluff, na autoestrada 99 em direção a Chico [Califórnia, EUA]. A pichação foi feita num monolito espiritual num parque em Red Bluff. Voluntários usaram solvente para remover a tinta do objeto espelhado.
Fotos de Tim Hearden / Record Searchlight

RED BLUFF [Califórnia, EUA] – Organizadores de um parque espiritual daqui foram surpreendidos na manhã de sexta-feira [dia 26] ao descobrir que alguém garatujou “Jesus” com tinta vermelha no monumento.

A pichação foi feita num monolito de quase sete metros de altura, instalado no ano passado, assim como também na sua base de concreto e num prédio externo do Parque Red Bluff, situado na autoestrada que leva a Chico.

O vandalismo ocorreu enquanto os organizadores estavam se preparando para uma celebração às 14h de hoje no parque, que apresentará uma mensagem do líder do seu movimento, Silo, transmitida da América do Sul. Silo é o pseudônimo de Mario Rodriguez Cobos, que prega a não-violência e a não-discriminação.

Rolo Juarez, de Stockton, um voluntário do parque que veio para a celebração, disse que remover a pichação será um contratempo para a organização. O grupo planeja instalar uma cerca, um domo, uma placa memorial com os nomes dos doadores, um portão de entrada e uma sala comunitária.

“Cada passo significa um grande esforço para nós, porque não temos muito dinheiro”, disse Juarez, que estimou que a remoção da pichação poderia custar US$ 400 ou US$ 500. “Isto é um inconveniente para nós agora, porque nos causa dor de cabeça”.

Uma porta-voz do xerife do Condado de Tehama disse que a repartição pública não foi notificada sobre o ataque de pichação.

Na base do monolito foi pichada a palavra “Jesus” juntamente com carinhas felizes (smileys). No edifício externo ficaram as palavras “Cristo é Deus”, juntamente com cruzes e mais carinhas felizes.

O Parque Red Bluff é um dos cinco parques espalhados pelo mundo dedicados aos ensinamentos de Silo, um líder espiritual nascido na Argentina que não professa nenhuma religião e não pertence a nenhum partido político. Os ensinamentos são uma forma de humanismo, mas o grupo não nega a existência de Deus, declarou Juarez.Juarez disse que os membros do grupo não se consideram “seguidores” de Silo, mas concordam com sua mensagem. Hoje [dia 26] será a primeira vez que as mensagens mensais de Silo serão transmitidas em Red Bluff.

O grupo não mantém nenhuma disputa com os ensinamentos de Cristo; na verdade, “nós tratamos de praticar o seu princípio de tratar os outros como gostaríamos de ser tratados”, disse Juarez.

Quando for construída, a sala multiuso do parque será aberta a qualquer um que queira usá-la, inclusive vários grupos de distintas correntes religiosas, ele disse. “Nós os defenderíamos, se alguém os atacasse”, disse Juarez sobre os cristãos.

“Imagino que estas pessoas estavam se divertindo”, disse ele sobre os vândalos. “O problema é que o divertimento deles é nocivo para os outros. Eu não ligaria se você fizesse sinais na frente da sua casa, mas você está marcando isto na propriedade das pessoas”.


O repórter Tim Hearden pode ser achado no número [código dos EUA + código local ] 529-5110 ou através do e-mail thearden@redding.com. Leia o seu blog em blogs.redding.com

Fonte da matéria: http://www.redding.com/news/2008/apr/26/graffiti-sprayed-on-rb-monolith/



sábado, 19 de abril de 2008

Zé Lencar, vis-presidênti du Lula: eita treim bão, uai, sô!!!

Cliqui na imagi, prá módi armentá-la i podê lê, sô !!!

sexta-feira, 11 de janeiro de 2008

Mel: uma coisa muito séria

Este tópico foi criado para possibilitar a adoção de uma cadela chamada Melanie. Entretanto, como não faz mais diferença ela ser adotada ou não e eu não querer que os meus leitores percam o seu tempo, (porque o  tópico tem um alto índice de acessos), coloquei abaixo alguma informação verdadeira sobre mel. Bom proveito. (10 mar 2010)




Alguns fatos sobre o mel

O mel, que é usado como alimento pelo homem desde a pré-história, por vários séculos foi retirado dos enxames de forma extrativista e predatória, muitas vezes causando danos ao meio ambiente, matando as abelhas. Entretanto, com o tempo, o homem foi aprendendo a proteger seus enxames, instalá-los em colmeias racionais e manejá-los de forma que houvesse maior produção de mel sem causar prejuízo para as abelhas. Nascia, assim, a apicultura. Fonte: Embrapa

É importante salientar que, a despeito de o mel utilizado atualmente em maior escala na alimentação humana provir da produção das abelhas melíferas, existem outros insetos que também o produzem em menor quantidade e não são explorados economicamente.

Apesar de suas propriedades terapêuticas o mel não pode ser consumido por crianças com idade inferior a 1 ano, devido a possibilidade de contaminação pela bactéria Clostridium botulinum, causadora de botulismo. O sistema imune de crianças nesta faixa etária não possui capacidade imunológica para destruir o microorganismo.Fonte: Wikipédia










CEH-RJ

CEH-RJ
Venha Planejar a Nova Sociedade Conosco - Centro de Estudos Humanistas do RJ

CMEH II Simpósio out 2010


www.worldsymposium.org
Estude Inglês
Estude Espanhol

Clique para enviar e-mail:
Loading...

Encyclopedia Mythica

Philosophia Perennis

Arquivo do blog

Tráfego